Indicação - Estabelecer, através dos órgãos de saúde, medidas prioritárias de cuidado com as gestantes e de prevenção e combate ao mosquito transmissor do ZIKA VÍRUS que, segundo o Ministério da Saúde

por adm publicado 18/09/2019 20h50, última modificação 19/09/2019 15h25

Indicação n°250/2019

 

Autor: Lourdes Silva de Souza

Situação: Aprovado

Reunião: 17/09/2019

Assunto: Estabelecer, através dos órgãos de saúde, medidas prioritárias de cuidado com as gestantes e de prevenção e combate ao mosquito transmissor do ZIKA VÍRUS que, segundo o Ministério da Saúde, tem relação direta com surtos de microcefalia e outras malformações congênitas.

Justificativa: De acordo com o anunciado pelo Governo Federal, essa confirmação vem reforçar o chamado para uma mobilização nacional para conter o mosquito transmissor, o Aedes Aegypti, responsável também pela transmissão da dengue e da febre chikungunya. Outro fator preocupante é que há indícios de que fluidos corporais, como sêmen, sangue e o próprio leite materno também possam propagar o vírus. Essa medida exige uma ação de todos os órgãos de saúde e da sociedade, unindo esforços para intensificar ainda mais as ações e mobilização, haja vista que cerca de 200 municípios já estão em situação de risco de surto das doenças transmissíveis pelo mosquito.

Veja o documento da indicação clicando aqui.

Vídeo de leitura e votação da indicação: https://youtu.be/B7rZTw8wR6g?t=4944